Obras da Comusa na Estação de Tratamento de Esgoto Roselândia chegam a 95% de conclusão

Obras da Comusa na Estação de Tratamento de Esgoto Roselândia chegam a 95% de conclusão

Linha de apoio
Com investimentos de cerca de R$ 12 milhões, ETE deve entrar em operação no segundo semestre deste ano
Publicado em 25/04/2019 - Editado em 26/04/2019
ETE deve entrar em funcionamento no segundo semestre
Crédito
Divulgação

Seguem em estágio avançado as obras da ETE Roselândia. Com 95% de suas obras concluídas, deve entrar em operação a partir do segundo semestre de 2019. Considerando as novas redes coletoras e as obras de construção, estão sendo investidos no bairro cerca de R$ 12 milhões com recursos do Ministério das Cidades com contrapartida da Comusa. Atualmente ela está em fase de acabamento de impermeabilização dos blocos hidráulicos da Estação de Tratamento de Esgoto.

A previsão é de que as obras sejam finalizadas no segundo semestre, quando o esgoto de mais de 1,2 mil famílias começará a chegar na estação. Com esse incremento o percentual de esgoto tratado em Novo Hamburgo passará dos atuais 5,1% para 7%.

O diretor-geral da Comusa, Márcio Lüders, ressalta a responsabilidade da Autarquia com a saúde da comunidade. “Elevar as taxas de esgoto tratado é uma responsabilidade da Comusa com a sustentabilidade da bacia do Rio dos Sinos e com a saúde da nossa cidade. Essa é uma obra importante para alcançarmos esse objetivo, e que agora entra na sua fase final”, lembra o diretor-geral da Comusa, Marcio Lüders.