SDS reúne na Feevale mais de 150 servidores públicos e conselheiros da Assistência Social em encontro de Educação Permanente

SDS reúne na Feevale mais de 150 servidores públicos e conselheiros da Assistência Social em encontro de Educação Permanente

Linha de apoio
O evento realizado no Câmpus 2 na manhã de sexta, dia 12, contou com a palestra da doutora em Psicologia Social e Institucional Carmem Giongo
Publicado em 15/04/2019 - Editado em 16/04/2019
O evento contou com mais de 150 servidores públicos e conselheiros
Crédito
Lu Freitas

Na última sexta-feira, dia 12, a Comissão de Educação Permanente da Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS), da Prefeitura de Novo Hamburgo, promoveu no Prédio Azul do Câmpus 2 da Universidade Feevale o 1º Encontro de Educação Permanente do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) 2019. O evento contou com mais de 150 servidores públicos e conselheiros, abrindo um conjunto de ações a serem organizadas pelo grupo ao longo do ano.

O público foi formado por profissionais do quadro da SDS, como coordenadores, assistentes sociais, psicólogos, educadores sociais, advogados, pedagogos, estagiários de Serviço Social, Psicologia e Educação Social. E mais: conselheiros – titulares e suplentes – do Comas e parceiros de Organizações da Sociedade Civil (OSCs).

Na abertura do fórum, o secretário municipal de Desenvolvimento Social, Roberto Daniel Bota, agradeceu à Universidade Feevale pela cedência do espaço e pelo entendimento do papel também do meio acadêmico nas ações voltadas a avanços das relações sociais para a melhoria na vida em comunidade. “O profissional que atua no acolhimento aos usuários dos serviços de Assistência Social, como todo ser humano, necessita de alento, carinho e atenção”, ressaltou. “E quanto maiores os desafios, mais bem preparados e capacitados devem estar os trabalhadores do SUAS.”

O chefe de Gabinete, Lineo Baum, também fez uso da palavra no evento como representante da prefeita Fátima Daudt. “Desde o início desta gestão, nós nos preocupamos com as questões sociais e temos consciência da relevância dos serviços a quem mais necessita do olhar do poder público”, enfatizou.

Na sequência, o pedagogo do Departamento de Educação Social Orlando Pinheiro discorreu sobre o tema Educação Permanente no Sistema Único da Assistência Social (SUAS). Como membro da comissão da SDS, ele tratou em sua apresentação dos marcos legais da Política Nacional de Assistência Social e abordou a educação permanente como um dos pilares da qualificação profissional. “É necessário que no dia a dia exista a reflexão crítica sobre os nossos processos”, observou. “E temos um grande desafio pela frente que será incluir os usuários dos serviços socioassistenciais nesse debate.”

Como convidada da SDS, a doutora em Psicologia Social e Institucional Carmem Regina Giongo palestrou sobre O Cuidado com o Trabalhador do SUAS: Ética como Eixo Estruturante. Em seu painel, ela destacou a necessidade de garantir o bem-estar social do profissional por meio de condições laborais dignas e seguras, garantias de direitos, reconhecimento, senso de coletividade e gestão participativa como fundamento da ética pessoal e profissional. “Cuidar da saúde física e mental do trabalhador é cuidar da política pública”, concluiu Carmem, também professora de Psicologia na Universidade Feevale e pesquisadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Saúde e Trabalho da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Para finalizar o 1º Encontro de Educação Permanente do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) 2019, com coordenação da pedagoga Marta de Borba Paulo e do educador social Binô Zwetsch, os servidores públicos Marilene Alves Lemes e Maicon Reis apresentaram o painel Dados 2017/2018 do setor de Vigilância Socioassistencial da SDS. A atividade, aberta a perguntas por parte do público, projetou futuras ações e análises sobre a prática socioassistencial no Município de Novo Hamburgo.

Galeria da notícia