Operação integrada mobiliza 120 agentes de Segurança em Novo Hamburgo

Operação integrada mobiliza 120 agentes de Segurança em Novo Hamburgo

Publicado em 11/03/2019 - Editado em 12/03/2019
Ação mobilizou cerca de 120 agentes de Segurança Pública no município de Novo Hamburgo
Crédito
Lu Freitas

A primeira operação Gabinete de Gestão Integrada da Região Metropolitana de Porto Alegre (GGIMPOA) mobilizou cerca de 120 agentes de Segurança Pública no município de Novo Hamburgo. A ação faz parte de um esforço coletivo desencadeado em 34 cidades, que contou com a participação de 1,3 mil servidores municipais, estaduais e federais, cerca de 800 viaturas e três helicópteros, distribuídos em aproximadamente 200 pontos.

A Guarda Municipal de Novo Hamburgo (GMNH) participou dos trabalhos em ações integradas com a Polícia Civil (PC) e a Brigada Militar (BM), como blizte, barreiras policiais e auxílio no cumprimento de mandados de prisão. O secretário de Segurança de NH, general Roberto Jungthon, destacou a importância da união de esforços no combate à criminalidade. “Trata-se de uma iniciativa que dialoga com as ações integradas que já vinham sendo executadas no município. Outras operações nestes moldes serão realizadas, o que possibilitará um alinhamento ainda maior, gerando resultados cada vez mais positivos”, observou.

A BM e a GMNH efetuaram três prisões, em ações de visibilidade, saturação de área e barreiras policiais. Ao todo, 467 pessoas foram abordadas e 364 veículos fiscalizados. Os trabalhos ainda registram quatro autuações, uma remoção e uma prisão por abuso, denunciada durante abordagem das partes.

A PC cumpriu sete mandados de busca e apreensão, resultando na identificação de quatro autores de furto a residências e de dois autores de roubo a malote com emprego de arma. Foram realizadas, também, 50 abordagens a veículos em barreiras policiais.

À noite, em ação integrada com a GMNH, BM e PRF, foi executada uma incursão no Morro da Formiga. Um adolescente infrator, de 15 anos, foi apreendido em flagrante delito. O jovem, reincidente por tráfico de drogas, portava sete buchas e cinco pinos de cocaína e 28 pedras de crack.

O GGIMPOA

O GGIMPOA faz parte do programa RS SEGURO, que está organizado ainda em outros três eixos: políticas sociais preventivas e transversais; qualificação do atendimento ao cidadão; e sistema prisional. Seu principal objetivo é promover a integração entre órgãos estaduais, federais e municipais de Segurança Pública, desenvolvendo ações conjuntas e/ou simultâneas.

Para isso, a mobilização conta com agentes estaduais, da Brigada Militar, da Polícia Civil, do Corpo de Bombeiros, do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RS), do Instituto-Geral de Perícias (IGP) e da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), e também de outras esferas, como Guardas Municipais, agentes de trânsito e de fiscalização dos municípios da região; equipes de organismo federais como a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Força Nacional de Segurança Pública.