Novo Hamburgo passa a fiscalizar uso obrigatório de máscaras a partir de sábado

Novo Hamburgo passa a fiscalizar uso obrigatório de máscaras a partir de sábado

Publicado em 30/04/2020 - Editado em 04/05/2020
As máscaras podem ser industrializadas ou de fabricação caseira, devendo estar perfeitamente ajustadas ao rosto e cobrir nariz e boca
Crédito
Lu Freitas

O secretário municipal de Meio Ambiente e coordenador da Central de Fiscalização, Udo Sarlet, alerta que quem não estiver usando máscaras a partir deste sábado, dia 2 de maio, será interpelado pelos fiscais. O uso passou a ser obrigatório desde 25 de abril, a partir da publicação do Decreto 9219/2020, mas até sábado seu uso não será fiscalizado justamente para dar tempo das pessoas adquirirem suas máscaras e se habituarem com o uso.

“É uma medida que ajuda a controlar a disseminação do coronvírus no município. A máscara protege as pessoas que estão próximas de quem usa. Por isso, vamos fiscalizar com rigor”, alerta Sarlet, destacando que o uso é obrigatório para todos que saírem às ruas. As máscaras podem ser industrializadas ou de fabricação caseira, devendo estar perfeitamente ajustadas ao rosto e cobrir nariz e boca. “Desde o início tenho incentivado o uso de máscaras, inclusive usando constantemente para servir de exemplo. É sempre uma forma de nos lembrar que o vírus está em nosso meio e precisamos nos proteger contra ele”, já destacou a prefeita Fátima Daudt. 

Além do distanciamento social e da higiene, especialistas e autoridades concordam que o uso de máscaras figura entre fatores importantes para conter a disseminação do vírus. Vale lembrar que a recomendação de seu uso em larga escala tem como base a proteção coletiva, uma vez que muitas pessoas podem estar infectadas e serem assintomáticas. Ou seja, poderiam estar transmitindo a doença sem saberem que estão com o vírus.